top of page
  • Foto do escritorBaloc Locadora

Como reduzir o custo com a manutenção de empilhadeira

Atualizado: 7 de dez. de 2020



A empilhadeira é utilizada para fazer o transporte e o armazenamento de carga no centro logístico. A sua aplicação é bastante vantajosa, pois, impulsiona a produtividade e otimiza o tempo.

Entretanto, caso surja um imprevisto, a sua produção ficará parada, ocasionando em alguns prejuízos.

Normalmente, a máquina possui uma longa vida útil, desde que seja realizado a manutenção preventiva.

A manutenção preventiva evita que o aparelho: aumente o seu consumo, reduza o seu desempenho e o surgimento de problemas/defeitos. Saiba mais sobre a manutenção preventiva.

Para manter a máquina em perfeita condição, é comum que algumas empresas paguem um valor mais alto que o necessário. Esta situação pode ser facilmente contornada. Veja a seguir como reduzir o custo com a manutenção.

Manutenção preventiva em empilhadeiras

Como já foi mencionado, é primordial que seja realizado a manutenção preventiva, visto que é a melhor medida para garantir o funcionamento da máquina.

A manutenção preventiva deve ser planejada em conjunto com a equipe ou com uma empresa especializada, é recomendado que seja feito um cronograma.


A Baloc realiza a manutenção preventiva nas empilhadeiras de sua frota de locação, por esta razão, alugar uma empilhadeira conosco é uma ótima vantagem.

Geralmente, para ter uma conservação na máquina, a manutenção preventiva deve ser feita a cada 500 horas, mas, o intervalo de tempo pode variar de equipamento para equipamento.


Deste modo, é recomendado verificar no manual qual é o período de manutenção da empilhadeira.

Deve ter em mente que a empilhadeira à gás, elétrica e a diesel possuem características distintas e exigem cada qual um cuidado particular.

A manutenção preventiva é responsável por detectar defeitos que ainda não são visíveis, sendo relevante para a segurança do empilhadeirista e dos demais colaboradores. Por este motivo, nunca deve deixar de seguir o cronograma.

É muito importante frisar que a manutenção preventiva somente deve ser realizada por uma equipe/empresa especializada.

Treinamento de profissionais e manutenção de empilhadeiras

Outra maneira de evitar que o custo da manutenção seja alto, é investir na qualificação dos profissionais. Além de transportar/armazenar o material, o operador de empilhadeira possui como função realizar a inspeção básica da máquina.

Caso este requisito não seja seguido corretamente, ou que seja feito uma aplicação inadequada, o custo de manutenção será elevado. O profissional deve fazer o seu trabalho com muito cuidado e atenção.

O empilhadeirista deve verificar:

  • Níveis de fluído;

  • Pressão dos pneus;

  • Motor;

  • Freios, pedais e garfos;

  • Bateria/tanque de combustível;

  • Gás/gasolina/diesel (se o combustível está em um bom nível);

  • Itens de segurança;

  • Danos físicos;

  • Compartilhamento do operador;

  • Se o adesivos necessários estão em um local visível.

Local de operação dos equipamentos

O local também pode diminuir a durabilidade da máquina, ocasionando em um maior custo com a manutenção.


Por exemplo, caso a empilhadeira seja utilizada em um terreno com piso irregular ou em condição adversa (como poeira ou chuva), a sua vida útil é reduzida.

Para evitar que isso ocorra, é recomendado estabelecer as passagens (como a rota principal e secundária) da empilhadeira. Além disso, é importante manter o piso limpo todos os dias, isto evita que a máquina passe por objetos que possam danificar os pneus.

Qualidade das empilhadeiras afeta o custo de manutenção

O próximo item para reduzir o custo da manutenção, é adquirir a máquina de uma empresa confiável/responsável.

Para evitar que tenha uma dor de cabeça no futuro, deve pesquisar a marca/fabricante/locadora. Opte sempre por uma empilhadeira moderna em um ótimo estado de conservação.

Seguindo essas dicas, você irá reduzir o custo com a manutenção da máquina. Não se esqueça, a Baloc é referência em locação de empilhadeira.

Disponibilizamos empilhadeira: elétrica, à gás, retrátil, contrabalançada, patolada e transpaleteira. Solicite um orçamento conosco!



bottom of page