top of page
  • Foto do escritorBaloc Locadora

O que são Escoras Metálicas?


o que sao escoras metalicas

Como o próprio nome já sugere, as escoras metálicas são estruturas metálicas que servem para escorar provisoriamente elementos estruturais (como lajes e vigas), suportando as cargas conforme a sua capacidade. Devido a essas características, são largamente utilizadas no setor de construção civil.


Quer saber mais sobre as escoras metálicas e as suas vantagens? Continue a leitura e entenda melhor o assunto.


As escoras metálicas são equipamentos pré-fabricados de acordo com a sua necessidade logística, visto que são projetados para suportar uma certa quantidade/capacidade de mercadoria.


A sua principal vantagem é a praticidade, pois podem ser montados e desmontados facilmente, sendo adaptáveis para qualquer tipo de projeto (possuindo regulagens e espaços determinados).


Lembrando que o ajuste final determina o nível da estrutura. Essa particularidade contribui para o aumento da economia e segurança.


É importante mencionar que as escoras metálicas podem suportar cargas com até 10 toneladas por torre. Além de possuir um sistema de encaixe que possibilita sua montagem rapidamente.


Como já foi mencionado, as escoras metálicas oferecem uma série de vantagens, principalmente na construção civil. Por exemplo, maior agilidade para o trabalho dos profissionais, podendo ser utilizadas para suportar estruturas de concreto moldado no próprio local.


Escoras Metálicas como Reforço


O reforço é aplicado nas formas para o suporte do peso da estrutura que está sendo construída. Por este motivo, as escoras são essenciais para as atividades de cimbramento e apoio de vigas e lajes (mantendo a formatação da construção enquanto o concreto ainda está fresco).


O dimensionamento das escoras metálicas é realizado por projetista, levando em consideração as cargas permanentes e variáveis de cada pavimento, inclusive com as sobrecargas em função de equipamentos elétricos ou de pessoal necessário para o processo de concretagem.


Ou seja, não existe apenas um modelo de escoras metálicas, mas sim um dimensionamento de acordo com cada projeto. De forma resumida, as escoras devem ser analisadas e projetadas conforme as necessidades e particularidades dos clientes.


É importante destacar que por possuir diversas situações e necessidades, as escoras metálicas podem ser encontradas com vários componentes, sendo eles:


  • Forcado simples;

  • Forcado duplo;

  • Cruzeta;

  • Rosca com pescoço;

  • Flauta com alturas variáveis.


Escoras metálicas X Escoras de madeira


Além das escoras metálicas, também existem as escoras de madeira. Ambas as opções possuem a mesma finalidade (“apoiar” e “segurar” uma construção que está sendo executada).


Apesar de possuírem os mesmos objetivos, quando comparamos esses dois tipos de estruturas, a escora metálica se destaca em diversos aspectos, sendo eles:


  • Simples manuseio;

  • Não exige mão de obra especializada;

  • Fácil armazenagem ;

  • Pode ser reutilizada inúmeras vezes;

  • Tem fácil aplicação em obras de pequeno, médio e grande portes;

  • É sustentável, podendo ser reciclada no fim da sua vida útil.


Além disso, o tempo de execução dos trabalhos com o uso das escoras metálicas é aproximadamente cinco vezes menor que as escoras de madeiras.


Outro ponto relevante é a segurança, as escoras metálicas são mais resistentes e modulares, deixando a obra mais organizada e limpa (fazendo que os riscos de acidentes sejam diminuídos).


Como usar as escoras metálicas


Transporte- As escoras metálicas devem ser feitas e usadas de acordo com algumas regras, sempre respeitando o limite de peso e dimensões.


Local de instalação- Antes de instalar as escoras é preciso isolar o local onde ela será colocada.


Local que será escorado- O local que será escorado precisa ser firme, compactado e nivelado, preferencialmente já com o contrapiso pronto para que as cargas sejam suportadas sem risco de ceder no caso de sobrecargas ou chuva.


Montagem- Na montagem é preciso regular a altura da flauta com gancho, dando ajustes finais com a porca.


Desmontagem- Não se deve bater no pé da escora e sim com o uso de uma alavanca, soltando a porca no sentido anti-horário e liberando o equipamento.


Cuidados com as escoras metálicas


Conheça os cuidados específicos para o uso das escoras metálicas. Veja a seguir quais são:


  • O projeto de escoramento e os limites de cada escora e acessórios devem ser feitos somente por profissionais habilitados (arquitetos e engenheiros).

  • Caso as lajes sejam pré-moldadas, é necessário indicar as linhas de escoras (a determinação da quantidade exigida para cada obra é responsabilidade do engenheiro).

  • As formas são projetadas e construídas para resistir às cargas máximas de serviço.

  • Os suportes e as escoras (de formas) devem ser inspecionados antes e durante a concretagem do profissional.

  • Se a montagem é próxima a linhas elétricas energizadas, é preciso fazer o desligamento da rede. Além do aterramento da estrutura e equipamentos que serão utilizados.

  • O travamento das escoras metálicas deve receber uma atenção especial, já que elas somente resistem a forças de compressão ao longo de seu eixo vertical.

  • Após a instalação, o local da concretagem deve ter apenas a equipe responsável pela execução deste serviço.

  • Durante o transporte das escoras metálicas é importante fixar o equipamento para evitar que ele se desloque, causando danos ao equipamento, ao veículo, a terceiros e ao próprio condutor.


Vantagens de utilizar as escoras metálicas


  • Fácil armazenamento;

  • Alta durabilidade;

  • Maior segurança;

  • Ecológica (pode ser reaproveitada).

bottom of page