top of page
  • Foto do escritorBaloc Locadora

História da Empilhadeira

Atualizado: 7 de jan. de 2021


historia das empilhadeiras

A revolução industrial foi marcada pela inovação tecnológica. Essa época foi importante para impulsionar a economia e estabelecer o princípio da produtividade e modernização, consolidando o processo da formação do capitalismo.


Neste período foram inseridos vários mecanismos para incitar a capacidade produtiva, tornando a força de trabalho mais ágil e lucrativa.


Um dos dispositivos utilizados nesta fase foi um protótipo da empilhadeira, que passou por várias transformações para se tornar o veículo que conhecemos atualmente.


A evolução da empilhadeira


Como já foi mencionado, as primeiras empilhadeiras utilizadas para deslocar embalagens eram muito diferentes dos modelos modernos. Registros antigos documentam a aplicação de veículos com plataformas no final do século XIX.


Esses aparelhos passaram por uma transformação. Nos anos seguintes foram introduzidos algumas partes de tratores e caminhões, além disso, foi inserido um assento e volante para o motorista. Essa criação ficou conhecida como trucktractor.


Essa modificação foi muito benéfica na época, porém o equipamento não tinha capacidade de elevar a carga. Para resolver este problema, um fabricante de empilhadeiras criou um novo modelo, que foi nomeado Duat.


O Duat possuía três rodas, era movido a gás e tinha a capacidade de elevar até 750 Kg. Nas versões seguintes, foi inserido um elevador hidráulico (para a movimentação vertical).


Com o passar do tempo a segurança também se tornou uma preocupação, por esse motivo, foi acrescentado protetor de carga e o aviso (de segurança).


A evolução da empilhadeira na Segunda Guerra Mundial


Apesar de ter causado morte e destruição, a Segunda Guerra Mundial propiciou a evolução científica e tecnológica. A fabricante de empilhadeira Yale (1868) inseriu algumas alterações no equipamento, por exemplo, máquina a diesel, motor mais resistente e o contrapeso.


Essas modificações fizeram com que o seu uso se tornasse popular em outras áreas, por exemplo, a indústria química foi beneficiada com aparelho capaz de movimentar cilindros e tambores (com segurança).


Os armazéns foram verticalizados na década de 1950, a partir disso foram projetadas empilhadeiras com capacidade de elevação de até 15 metros, fazendo com que algumas medidas de segurança fossem adotadas, por exemplo, protetor para carga e condutor.


A empilhadeira elétrica (movida a eletricidade) foi lançada nas décadas 1960/1970. Nesta época, a máquina mais popular era a combustão, apesar de ser a favorita, não tinha nenhuma melhoria no design.


Evolução da empilhadeira no século XXI

A utilização de empilhadeira não se restringe apenas à movimentação de carga, mas também aos aspectos de segurança. Neste período, o cinto de segurança para os operadores se torna obrigatório.


Em 1990, foi implementado alguns tópicos para maximizar a segurança do operador, como a manutenção preventiva do equipamento e as recomendações para manusear a empilhadeira.


Atualmente, a empilhadeira é um equipamento indispensável em um projeto logístico, visto que otimiza o tempo, aumenta a produtividade e agiliza o transporte/armazenamento de carga.


Empilhadeira Baloc para Locação


A Baloc é referência em locação de empilhadeira. Possuímos uma gama de produtos, dos maiores e melhores fabricantes nacionais e internacionais.


Disponibilizamos empilhadeira: elétrica, à gás GLP, diesel, patolada, contrabalançada, retrátil e transpaleteira.


Solicite um orçamento conosco!

Comments


bottom of page